terça-feira, 15 de janeiro de 2008


Retorno
Viagem se faz por espírito.
Meu corpo era apenas uma testemunha sentimental de tal jornada.
Fui débil em busca do reencontro de olhar.
Nalgum lugar descobri como quem mente impune
Que a física e temporal distância remove o amor desnudo
E o sobrepõe disfarce.

Um comentário:

novelas4ever disse...

aki ta lindo ...adorei ...



bjooo